Biblioteca prisional: um espaço heterotópico

Autor: Amabile Costa, Rodrigo de Sales Resumo: O presente artigo procura evidenciar as bibliotecas prisionais como espaços heterotópicos, a partir do conceito proposto por Michel Foucault e, também, como agentes do devir. Neste sentido, o questionamento está centrado em verificar a aproximação entre as bibliotecas no cárcere com o conceito… Continue reading

Educação em prisões: avanços e desafios do debate acadêmico sobre o direito à educação em contextos de privação de liberdade

Autor: Elionaldo Fernandes Julião, Ana Cláudia Ferreira Godinho Resumo: A temática da educação implementada em espaços de restrição e privação de liberdade como presídios, cadeias e unidades do sistema socioeducativo, embora não seja um tema absolutamente novo, vem ganhando espaço no debate acadêmico nos últimos anos. Apesar da educação ainda… Continue reading

Biblioteca prisional e a leitura nos espaços de privação de liberdade

Autor: Amabile Costa, Camila Monteiro de Barros Resumo: O trabalho enfatiza o papel das bibliotecas prisionais na mediação da leitura e da informação. Essas bibliotecas são unidades que disponibilizam às pessoas privadas de liberdade o acesso à informação e, consequentemente, dão suporte ao desenvolvimento humano e à geração de conhecimentos… Continue reading

Oferta educacional em prisões e a modalidade de educação a distância

Autor: Ana Valeska Amaral Gomes O direito à educação em espaços de privação de liberdade obteve alguns avanços normativos na última década e meia. Em especial, a possibilidade de remição da pena por meio da educação foi um fator extremamente positivo para reforçar o papel ressocializador e de garantia da… Continue reading

Educação de jovens e adultos nos espaços de privação de liberdade:” olhares” sobre os estudantes

Autor: Camila Rosilda Vigganigo Resumo: Este trabalho tem como objetivo realizar uma análise sobre as abordagens das pesquisas que tratam dos sujeitos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), nos contextos de privação e restrição de liberdade. A pesquisa, com uma abordagem qualitativa, teve como procedimentos metodológicos levantamentos bibliográficos e… Continue reading