Ensino de ciências por investigação na educação de jovens e adultos presos

Autor: Bruno da Fonseca Gonçalves

Resumo: Este trabalho traz a discussão de uma atividade realizada com alunos do terceiro período do terceiro segmento do EJA, na escola localizada no interior do Presídio Regional de São João del Rei. O trabalho apresenta diversas peculiaridades, como o fato de se desenvolver em com uma turma de EJA, dentro do sistema prisional e sob uma abordagem investigativa. Pretende-se com este trabalho dar uma pequena colaboração no ensino de ciências por investigação, no desenvolvimento de trabalhos com o EJA e na educação prisional. A atividade realizada trata-se do uso do Princípio de Arquimedes para explicar a flutuação de barcos. Os resultados se mostraram muito interessantes, destacando o quanto precisamos aprender para ensinar jovens e adultos em situações especiais.

Orientador: Arjuna Casteli Panzera

Área de concentração: Ensino de Ciências por Investigação

Instituição: CECIMIG FaE/UFMG / Ano: 2012

Download: PDF

Tags , , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, pós-graduanda em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.