Os usos, significados e práticas da ressocialização do egresso do sistema prisional

Autor: Rosaura Rodrigues Tôledo

Resumo: No presente trabalho o objetivo central é refletir as práticas de ressocialização do egresso do sistema prisional, seus usos e significados, com base nas interações sociais desenvolvidas no contexto das políticas públicas de atendimento ao preso e ao egresso. Neste sentido, vai investigar quais os atores imediatamente envolvidos nas políticas de ressocialização e quais os impactos destas políticas na subjetividade destes indivíduos, e consequentemente na sociabilidade, através da interpretação das observações e das percepções que emergem do contexto interacional. E, diante desta análise é realizada uma observação crítica das representações sociais envolvidas neste contexto, com vistas a refletir sobre o funcionamento das políticas criminais e o atingimento dos propósitos públicos de ressocialização.

Orientador: André Moysés Gaio

Área de concentração: Ciências Sociais

Instituição:Universidade Federal de Juiz de Fora /Ano: 2013

Download: PDF

Tags , , , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, pós-graduanda em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.