Unidade prisional feminina de Palmas: conselho de classe participativo

Autor: Adriana da Costa Pereira Aguiar, Jocyléia Santana dos Santos

Resumo: O estudo objetivou analisar como acontece o conselho de classe na unidade de ensino prisional feminino de Palmas. Utilizou-se o método da História Oral Temática com entrevistas semiestruturadas. O estudo se apresenta respondendo a três objetivos específicos, sendo: traçar um breve percurso histórico da educação prisional feminina no Tocantins; conhecer o trabalho educacional dentro da prisão feminina; narrar os depoimentos das entrevistadas. Conclui-se, por meio da análise dos documentos e pelas vozes das depoentes, que acontece um conselho de classe participativo, no entanto, precisa cumprir alguns critérios dentro do sistema prisional, pois não há participação da família das estudantes. O conselho de classe mostra-se eficiente e traz melhoria para a prática pedagógica das envolvidas, sendo um instrumento pedagógico eficiente.

Download: PDF

Tags , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, especialização em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS e MBA em Gestão da Informação em Saúde pela UNISA. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo (FACIS) e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.