Práticas educativas do processo de escolarização na cadeia feminina de Cajazeiras-PB ante às contribuições pedagógicas freireanas da educação para liberdade

Autor: Miryan Aparecida Nascimento de Souza, Wiama de Jesus Freitas Lopes

Resumo: Este artigo propõe-se a refletir acerca do conceito de liberdade no que se refere às questões pedagógicas para mulheres encarceradas ante elementos da política educativa para o sistema prisional no Estado da Paraíba. E o faz referencializado em Paulo Freire, sobretudo no que tange ao fundamento de educar para a liberdade. Destaca os pressupostos de educação no cárcere como parte do processo de formação humana e que são caros para a referencialização de políticas de educação prisional. A produção incorre a partir das condições precárias que o ambiente adverso da prisão representa para as práticas educativas de mulheres privadas de liberdade, com o propósito de fomentar reflexões político-pedagógicas para a desafiante implementação do ensino no cárcere. A produção está ancorada na perspectiva freireana de matrizes político-pedagógicas dialógico-humanizadoras e, desse lugar, se dirige às práticas educativas do sistema prisional paraibano para mulheres.

Download:Práticas+educativas+do+processo+de+escolarização+na+cadeia+feminina+de+Cajazeiras-PB+ante+às+contribuições+pedagógicas+freireanas+da+educação+para+liberdade

Tags , , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, especialização em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS e MBA em Gestão da Informação em Saúde pela UNISA. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo (FACIS) e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.