Portas EntreAbertas: um relato etnográfico a partir de um fazer teatro com pessoas privadas de liberdade – para além do espetáculo…

Autor: Micael Côrtes

Resumo: Este texto tem como objetivo relatar etnograficamente uma experimentação a partir de uma oficina intitulada O Brincar com Teatro, desenvolvida em um contexto presidiário entre 2008 a 2009 segundo a visão de um observador-participante em um galpão denominado Escola do Presídio, situado no interior do estado de São Paulo, junto ao grupo de monitores culturais detentos. Trata-se, portanto, de possibilitar um olhar para o campo da Pedagogia do Teatro: teatro-educação enquanto uma aprendizagem que favoreça um processo artístico-estético-pedagógico na possibilidade de contemplar a criação, a imaginação, os sentimentos, as emoções, as paixões, as tragédias e a ludicidade como uma aventura para ampliar um conhecimento aberto e sensível dessa área e, então, para torná-la uma experiência educativa.

Download: PDF

Tags , , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, especialização em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS e MBA em Gestão da Informação em Saúde pela UNISA. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo (FACIS) e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.