O sentido da educação para mulheres em privação de liberdade: vivências e perspectivas

Autor: Jane Maria Silva Nóbrega Medeiros

Resumo: Este trabalho é parte da pesquisa desenvolvida no Mestrado em Educação. Teve como objetivo descrever e analisar a Educação a partir das vivências de mulheres em privação de liberdade. Os resultados foram analisados sob a ótica de abordagens metodológicas da pesquisa qualitativa, com interpretação fenomenológica.  Ao descrever a Educação para mulheres em privação de liberdade o fenômeno mostrou-se na sua essência, a fragilidade do ambiente prisional. Ainda que garantida em lei a educação em prisões se mostra tímida na sua aplicação e para um sistema excludente ela se tornou mais um privilégio que um direito.

Download: 400-Texto do artigo-2206-1-10-20171214

Tags , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, especialização em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS e MBA em Gestão da Informação em Saúde pela UNISA. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo (FACIS) e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.