A realidade e os desafios do trabalho docente no ambiente das prisões: um olhar sobre o contexto paraense

Autor: Orlando Nobre Bezerra de Souza, Ney Cristina Monteiro de Oliveira

Resumo: O presente artigo aborda a oferta do direito à educação às pessoas privadas de liberdade no estado do Pará e os processos de trabalho e de formação de professores e profissionais da educação que se envolvem cotidianamente com a garantia da educação básica em unidades prisionais. Procurou-se problematizar os condicionantes e os desafios do trabalho docente na área, além de refletir sobre as alternativas que vêm sendo executadas, em especial, a partir do Curso de Especialização em Educação de Jovens e Adultos Privados de Liberdade, realizado entre 2015 e 2016 pela Universidade Federal do Pará. O texto aborda os condicionantes estruturais da educação em unidades prisionais no Pará e os s eus desdobramentos em relação ao trabalho docente, a partir de análise documental e revisão bibliográfica realizada ao longo do processo de formação dos docentes, procurando apontar questões a partir do olhar daqueles que atuam diretamente nas salas de aula das unidades prisionais paraenses e que constam das monografias defendidas no fim do curso, com o sentido de captar as análises e as proposições de educadores e outros sujeitos que têm inserção concreta nos espaços de privação de liberdade.

Download: PDF

Tags , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, especialização em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS e MBA em Gestão da Informação em Saúde pela UNISA. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo (FACIS) e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.