A educação pela ótica da mulher privada de liberdade no estado do Amapá

Autor: Josiane Pantoja Ferreira, Almiro Alves de Abreu Abreu

Resumo: Este artigo é o resultado do trabalho final do Curso de Especialização em Docência para Educação Penitenciária, ofertado pela Universidade Federal do Amapá (UNIFAP), o qual buscou analisar a influência da educação escolar através da visão da mulher privada de liberdade na Penitenciária Feminina do Estado do Amapá. O método utilizado para a realização da construção desse artigo científico foi o dialético, por possibilitar uma compreensão dinâmica da realidade, ao considerar os fatores históricos, econômicos, políticos e especialmente os sociais. Foi utilizado a pesquisa qualitativa, pelo fato de ser o que mais se adéqua com os objetivos estabelecidos, onde, por meio das discussões nos grupos focais foi possível identificar como as mulheres encarceradas avaliam o ensino que estão recebendo na Escola Estadual São José. Concluiu-se que apesar de toda adversidade na concretização dos direitos educativos, as mulheres presas, reconhecem a contribuição da educação para sua vida, sendo o caminho para garantir ou acessar os direitos sociais, o que de alguma forma já contribui para sua vivencia no ambiente intramuros e que está abrindo ou ampliando ás perspectivas para o retorno da mulher encarcerada à sociedade.

Download: PDF

Tags , , .Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Cristina de Carvalho

Arquivista na NTX It Solutions, especialização em Gestão Eletrônica de Documentos pela USCS e MBA em Gestão da Informação em Saúde pela UNISA. Foi Bibliotecária na Faculdade de Ciências e Saúde de São Paulo (FACIS) e Auxiliar de Biblioteca na UNISA. Bibliotecária formada pelo UNIFAI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *